Motorista Comprometido

Motorista Comprometido
Arquivo: HighPluss Treinamentos, 2017.

Notícias

sexta-feira, 2 de março de 2012

Radar começa a fiscalizar caminhões pela esquerda

Rodovia Imigrantes...

A partir desta quinta-feira, os caminhoneiros que insistirem em trafegar pela faixa da esquerda da Rodovia dos Imigrantes serão autuados por um radar de presença, instalado na via. Ele está no Km 48 da pista de subida e será capaz de flagrar os motoristas de acordo com o peso e com o comprimento do veículo.

Segundo a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), o equipamento têm como principal medição a distância entre eixos.

Enquanto veículos de passeio têm de 3 a 4 metros entre os pneus da frente e de trás, caminhões, ônibus e micro-ônibus têm características distintas. Por este motivo, veículos mais pesados serão flagrados.

De acordo com o gerente de Atendimento ao Usuário da Ecovias, Eduardo Di Gregório, vans não serão autuadas. “Ele (o radar) pega por massa e comprimento, então só vai registrar veículos com peso maior, como ônibus e micro-ônibus”.

Créditos: Irandy Ribas
Segundo a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), o equipamento têm como principal medição a distância entre eixos

Como explica o gerente, o peso é a outra variável. A razão entre os dois índices é o fator determinante para o acionamento da câmera, responsável por flagrar a placa do veículo. Os dados serão encaminhados ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER), que fará o tratamento da imagem e a autuação do veículo.

“A foto pega as três faixas e vai identificar com precisão a posição do caminhão na da esquerda. Ela é de fácil identificação; então, fica bem claro para o DER fazer essa autuação”, ressalta Di Gregório.

A infração de tráfego de veículos lentos em faixas de trânsito rápido é considerada leve pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Ela dá ao motorista quatro pontos na carteira e o obriga a arcar com uma multa de R$ 85,12.

Publicado em 01/02/2012 no site http://www.atribuna.com.br/noticias.asp?idnoticia=138446&idDepartamento=5&idCategoria=0

Nenhum comentário:

Postar um comentário