Motorista Comprometido

Motorista Comprometido
Arquivo: HighPluss Treinamentos, 2017.

Notícias

domingo, 30 de novembro de 2014

8º Aniversário da HighPluss - 2014

Arquivo: HighPluss, 2014.

Dia 26/11/2014 a HighPluss Exportação, Consultoria e Treinamentos completou o oitavo aniversário de fundação com uma trajetória de muitos aprendizados e grandes conquistas. Cada ano que passa a HighPluss avança nos projetos profissionais e sociais com foco em atender de maneira personalizada seu Cliente.

A HighPluss muito agradece a todos "Clientes, Fornecedores e Parceiros" por acreditarem na execução de projetos focados no equilíbrio entre o desenvolvimento e a prosperidade das pessoas e empresas.

A empresa desenvolve suas atividades profissionais focada nas competências técnicas para a realização dos projetos, bem como nas habilidades e atitudes necessárias em tornar o projeto próspero para o Cliente.

O ano de 2014 foi marcado em especial pelo lançamento e distribuição do Livro Motorista Comprometido - V1 no mercado brasileiro. Muito agradeço aos motoristas e as empresas pelo acolhimento da proposta do livro em aumentar o entendimento e o comprometimento com a segurança no trânsito das cidades e estradas brasileiras.

A empresa atende os mercados do Brasil e América Latina, com ênfase em Palestras para Motoristas, Consultoria Técnica / Administrativa, Desenvolvimento de Fornecedores e na Exportação de peças técnicas no segmento de transportes de passageiros e cargas. 

Muito agradeço aos Clientes, Fornecedores e Parceiros pela confiança depositada nos trabalhos oferecidos ao mercado.

HighPluss - Soluções VIP nas Práticas Profissionais
Contato: treinamentos@highpluss.com.br
Joinville - SC. - Brasil

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Palestra Motorista Comprometido no Giassi Bucarein em Joinville


Arquivo: HighPluss, 2014.

Arquivo: Nelsi Kurz, 2014.

25/11/2014 - Palestra sobre Motorista Comprometido no Giassi Bucarein em Joinville.

Agradeço mais uma vez pela parceria entre Giassi Supermercados e HighPluss na promoção do evento sobre a segurança no trânsito, qualidade de vida dos motoristas e pelo respeito a cultura da vida.

Muito agradeço ao Gerente Paulo Roberto do Giassi Supermercados, profissional comprometido com a segurança no trânsito e com a realidade dos motoristas.

Muito agradeço ao Motorista Profissional Adriano Alexssander da Luz, profissional comprometido e que exerce uma excelente liderança situacional.

Muito agradeço aos demais motoristas comprometidos com a cultura da vida e também pelas doações de alimentos aos pacientes renais da Fundação Pró-Rim.

É importante a discussão sobre o trânsito nas cidades e estradas, para que possamos desenvolver novos aprendizados e estarmos preparados e comprometidos para saber lidar com os diferentes comportamentos no trânsito. 

Seja um Multiplicador da Educação no Trânsito e faça parte da Cultura da Vida.
A Vida agradece!

Abraço e muita luz aos Motoristas!

José Rovaní
HighPluss Treinamentos - Joinville
Contato: treinamentos@highpluss.com.br
"Cinto de Segurança e Direção Defensiva salvam Vidas!" Pratique!

sábado, 22 de novembro de 2014

Quebra de asa – Uma manobra que custa caro

quebrada de asa Volvo FH
Quem vive na estrada já viu algum colega de profissão fazer a “quebra de asa”. A manobra consiste em balançar a carroceria de um lado para o outro, tirando as rodas da pista e contorcendo o implemento. A questão é que esta brincadeira pode sair caro para muita gente.
O movimento de balanço pode fazer com que o caminhão sofra danos estruturais. Como a carreta se projeta além da capacidade sobre a quinta roda, isso pode trincar o pino-rei, além de causar desalinhamento. Quando a carreta levanta e volta para sua posição correta, o impacto gerado pode causar sérios danos na suspensão, assim como desgaste extremo das laterais dos pneus.
Motoristas que realizam a “quebra de asa” podem responder pelo crime de direção perigosa, podendo até provocar algum acidente com outro veículo. Se houver mais de um caminhão fazendo disputa de manobras na estrada, a punição aumenta por ser considerado envolvimento em racha. A pena pode variar de seis meses a dois anos de prisão.
Outro risco provocado pelas manobras arriscadas é a capotagem do caminhão. O movimento de chicote da carroceria pode ser mais forte que a manobra, e o veículo tombar no meio do trecho.
Há também os fãs de caminhões que, na beira da estrada, pedem para os motoristas fazerem a quebra de asa só para poderem gravar no celular e publicar na internet. Uma manobra mal-sucedida pode colocar a vida deles em risco.
Em caso de direção perigosa, avise a Polícia Rodoviária Federal pelo número 191.
Fonte: Volvo na Estrada
Publicado em 22/11/2014 no Blog do Caminhoneiro.